Como aplicar o fluxo de caixa descontado

Já pensou em ter uma ferramenta que te ajude a mensurar o valor da sua empresa? Ou talvez conhecer quanto será o tempo de retorno do dinheiro investido na sua empresa?

Se você ficou interessado na resposta dessas perguntas, então precisa conhecer o fluxo de caixa descontado. Essa ferramenta pode ser um essencial na tomada de decisões e pode inferir sobre os rumos da sua empresa.

O que é fluxo de caixa descontado?

Fluxo de caixa é um termo já conhecido para os empreendedores, mas fluxo de caixa descontado ainda gera diversas dúvidas.

O fluxo de caixa descontado (FCD) é uma metodologia, a qual pode ser utilizada em diversas situações em que os lucros são aplicados e geram resultados em outro momento. Complicado?

Em termos mais simples, o FCD considera duas variáveis, o risco e o retorno. Para isso são utilizados projeções e descontos para se chegar a um “valor atual da empresa”. E é justamente neste valor encontrado que se avalia as oportunidades da empresa.

Desta forma, se o valor tido com a análise do FDC for superior ao custo do investimento, pode ser uma boa hora de investir.

Além disso, o FDC é muito utilizado por investidores para analisar os riscos e oportunidades ao injetar valores.

Como aplicar o fundo de caixa descontado?

A metodologia do FDC considera elementos chaves da gestão financeira, sendo eles:

  • Fluxo de caixa: valor recebido e valor gasto pela empresa em determinado período;
  • Taxa de desconto: custo de capital (obtido a partir de média ponderada e considerando os riscos do investimento);
  • Valor residual: considera o valor estimado de um ativo utilizado pela empresa enquanto durar sua vida útil;
  • Valor da empresa: considera o valor dos lucros que a empresa pode conseguir futuramente, ou seja, considera a variável tempo e a variável dos riscos.

De forma geral, o FCD considerará o quanto a empresa vale hoje, somada a capacidade de lucros do futuro e descontado o tempo, custo e o risco.

Ficou confuso e não sabe por onde começar? Fique calmo, atualmente existe uma série de recursos que podem te ajudar a conseguir calcular o FDC de sua empresa.  Há alguns que são pagos e outros grátis.

A Conta Azul disponibiliza gratuitamente uma planilha neste link, basta seguir as recomendações e preencha-la corretamente que você terá o FCD.

Também, é importante lembrar que existe uma série de metodologias para se chegar ao valor final do FCD, sendo que o melhor a se fazer é escolher a que atenda às suas expectativas.

Agora você deve estar se perguntando: qual é a aplicação pratica do fluxo de caixa descontado, pois bem, como pode ser observado, trata-se de uma forma de mensurar o valor de uma organização.

Como toda e qualquer ferramenta que é baseada em projeções, ela serve para obter uma imagem do valor da empresa e isso poderá te ajudar em diversas tomadas de decisões. Já pensou que pode ser um bom momento para expandir seu negócio? Ou quem sabe é a hora de vende-lo?

Contudo, considere também a utilização de outras ferramentas e nunca dê um “passo maior que a sua perna”. Seguindo estas dicas, sua empresa terá um futuro promissor!

Deixe seu comentário e inscreva-se para receber nossas dicas e atualizações.

Adicionar comentário