como fazer um pitch para investidores

Como fazer um pitch para investidores

Encantar investidores é uma das tarefas mais importantes e, ao mesmo tempo, mais difíceis para serem feitas pelos gestores de uma organização. Afinal, muitas vezes é uma oportunidade única de ter dinheiro imediato e maior liquidez, então não é possível cometer com erros.

Diante desse cenário, foi criado o conceito de pitch: é uma apresentação resumida (3-6 minutos) em que é apresentado um negócio a um interessado (investidor ou cliente). 

É um tempo muito curto, mas pode ser extremamente efetivo se você souber exatamente como fazer. Para isso, é importante compreender essencialmente o conceito de pitch e conhecer dicas imperdíveis para realizá-lo da forma correta.

Vamos mostrar a você como fazê-lo e consiga os melhores resultados para seu negócio! Boa leitura e aproveite o conhecimento!

O que é o pitch?

Ele também é conhecido no mercado como pitch elevator. O nome sugestivo não é à toa, pois sua proposta surge de um importante exercício de imaginação.

Pense que acabou de entrar em um elevador. Logo em seguida, ao seu lado, entra um dos mais importantes investidores da sua área. Uma oportunidade única e que você não saberá quando irá se repetir.

Você tem apenas aquele tempo em que está ao lado dele no elevador para falar sobre sua empresa e convencê-lo a investir capital em seu negócio. O tempo é curto, ou seja, é preciso ser objetivo e persuasivo.

Porém, não basta ser sucinto e objetivo. Além do curto tempo de apresentação, o empreendedor tem o desafio de convencer o investidor (ou cliente) de que investir (ou comprar) na empresa é algo rentável (ou benéfico). 

A persuasão é algo que, quando trabalhado da forma correta, pode fazer uma verdadeira revolução em seu negócio. Por isso é importante saber como aplicá-la de forma eficiente.

4 dicas para fazer um Pitch para Investidores 

Se é uma oportunidade única, é fundamental que você saiba como aproveitá-la. Por isso, é fundamental que os gestores e responsáveis pelo negócio acompanhem as principais dicas para realizar um pitch de sucesso.

Então vamos mostrar algumas dicas imperdíveis que você deve trabalhar e aplicar no seu dia-a-dia. Veja 6 imperdíveis a seguir.

1.Seja objetivo

No pitch é essencial que as informações sejam claras, objetivas e ressaltem o diferencial da ideia. Dar voltas ou ser redundante poderá gastar um tempo precioso da sua apresentação.

2. Estruture o pitch

Defina previamente as informações que devem estar presentes no pitch.  Nessa apresentação deve conter essencialmente informações sobre: a oportunidade, o mercado, o problema, a solução, os diferenciais e os objetivos.  

3.Treine a sua oratória

Além da apresentação em si, é de suma importância que você a apresente de forma clara e que sua postura esteja condizente com a intenção desejada a ser percebida pelo investidor.  

Você deve conseguir passar segurança na sua fala, sem parecer apressado para se adequar ao tempo estimado. Também deve ter convicção de tudo que está falando. Caso demonstre insegurança, pode ter certeza de que seu ouvinte perceberá.

Demonstre confiança, vista-se bem e treine sua apresentação antes (principalmente para controle do tempo e para diminuir um pouco do nervosismo).  

4. Trabalhe o problema e a solução no pitch

Todo produto ou serviço é criado para resolver um problema existente. É isso que garante seu diferencial no mercado. Por exemplo, uma empresa produtora de canudos ecológicos atende à demanda de uma valorização da proteção do meio ambiente, um ponto cada vez mais fundamental para a sociedade e para os clientes de forma geral.

Diante desse cenário, há uma mudança no perfil consumidor (problema) e as empresas que trabalham com soluções ecológicas atendem a essa mudança (solução).  

Isso deve ser apresentado no pitch para seu ouvinte, com referências, principalmente dados numéricos, que mostrem a importância da solução que sua empresa aponta. Lembre-se sempre de apresentar a fonte.

Se está em busca de investimentos para o seu negócio, este conteúdo sobre alternativas de créditos para empresas pode ser útil. 

5. Dimensione sua ideia e conheça seus concorrentes

Erros muito comuns em pitchs são falas como: “vamos atender a todo o país” ou “essa ideia não tem concorrentes”. Esse tipo de afirmação é malvista pelos investidores e eles provavelmente já ouviram muitas delas.  

Afinal, um ponto bastante avaliado por essas pessoas é se você tem, realmente, uma visão realista do seu negócio. Propor metas mirabolantes ou que não sejam possíveis de serem concretizadas no momento mostra falta de conhecimento sobre seu negócio e levam a negativas no processo de solicitação de investimentos.

Ninguém quer colocar dinheiro nas mãos de pessoas que não tenham uma boa noção de realidade e que vão saber aplicar o capital de forma racional, objetiva e, de fato, com potencial para crescimento. Por isso, seja honesto em sua proposta.

Seja realista, dimensione um público alvo e conheça seus concorrentes (diretos e indiretos), isso não tira o mérito de sua ideia e nem tampouco impedirá o investimento.  

6. Foque em inserir na apresentação o que é realmente importante  

Um tempo entre 3-6 minutos é muito pouco tempo. Mas quando bem trabalhado, dá para inserir bastante conteúdo de qualidade e tornar a exposição rica e aproveitável.

Para isso, é fundamental compreender o que deve ser priorizado na sua fala. Lembre-se que o intuito é agradar o seu ouvinte e persuadi-lo de investir em seu negócio.

Na apresentação deve inserir o que tem mais relevância para os investidores, ou seja, fale os pontos positivos da sua ideia e na rentabilidade que ela pode trazer.  

Se sua empresa tem mais tempo, uma boa dica é apresentar o desempenho desde seu início.  Isso mostra solidez no mercado, bem como maturidade por parte dos gestores ao longo da trajetória.

Um dos maiores erros ao criar um pitch para investidores é querer inserir muitas informações e falar demais, cuidado! Quando há pouco tempo, a máxima “menos é mais” é bastante valiosa.

Escute atenciosamente todas as sugestões feitas antes, durante e depois do pitch. Lembre-se, elas podem ajudar a melhorar sua proposta para as próximas apresentações.

Se você investir nas dicas que listamos acima, poderá ter maiores chances de conquistar a atenção do seu investidor. Pode ser que o resultado não venha na primeira prospecção, mas com o tempo você conseguirá afinar os pontos e ter um pitch impecável!

Preparado para fazer um pitch de qualidade para uma empresa de sucesso? Se o seu problema é capital financeiro para o negócio, talvez investidores não sejam a solução, e sim uma empresa creditícia

As Factorings podem ser uma boa opção para você, caso tenha preferência por esse tipo de solução. Leia nosso artigo sobre o que é Factoring e saiba mais sobre o tema!

Adicionar comentário